antes de toda grande conquista vem sempre a dificuldade

uma coisa que me ajudou muito a correr atrás do que eu quero foi não saber ouvir não. engraçado né? porque foi uma coisa que me ferrou muito também. é chato mesmo ser mimado durante a infância e depois descobrir que seus pais não podem te dar exatamente TUDO que você quer. mas mesmo assim, eu não aprendi a aceitar os “nãos” que a vida me dava.

gente, levar “porta na cara” é normal. e muito, mas aí você descobre o quanto você quer aquela coisa. e continua tentando, se você quer mesmo, tem que continuar. aos poucos a gente começa a se conhecer e a conhecer também nossos reais objetivos aí vai vendo o que temos que mudar para alcançá-los, às vezes a gente acaba pegando a estrada mais longa, mais demorada e outras vezes percebemos que a solução não é mudar de rota e sim mudar a nós mesmos. acontece, falhar e tentar e, muitas vezes, falhar de novo e continuar tentando, isso tudo nos faz mais capazes de realizar as nossas conquistas.

ontem eu estava pensando naquela frase “quem espera sempre alcança”, sempre que ouvi essa frase a interpretei mal. e não concordava, nunca deixei o “destino” tomar as rédeas da minha vida, não esperava que o que eu quisesse viesse pra mim, sempre fui eu que corri atrás. mas ontem percebi onde estava o engano e, se olharmos no dicionário, logo percebemos a tal confusão…

Aguardar:

1. aguardar, atender, expectar.

Desejar:

2. almejar, anelar, ansiar, aspirar, desejar, ensejar, torcer.

Supor:

3. conjecturar, imaginar, presumir, supor.

Confiar:

4. acreditar, confiar, contar, crer, esperançar-se, fiar, prometer-se.

acho que quase todo mundo, inclusive eu, sempre acreditou que o significado do verbo esperar fosse aguardar mas nesse caso é confiar! e aí sim, faz todo sentido.  não temos que ficar sentadinhos achando que tudo vai dar certo e que o tempo vai se encarregar disso, mas temos que acreditar, confiar no nosso potencial e ir à luta.

o meu primeiro “não” foi um emprego, eu comentei aqui já, quando era mais nova eu quis trabalhar no outback. fui lá, preenchi a ficha, fiz e prova e… não! fui de novo, e de novo, e de novo E de novo. isso mesmo, na quinta tentativa eu consegui. nesse caso, demorei alguns anos pra chegar lá, uns dois anos, provavelmente e hoje eu vejo que naquela época o que me faltava era a maturidade e por isso, não consegui o emprego antes. mas se eu tivesse desistido na primeira vez, nunca teria conseguido… é um exemplo bobo, mas aos poucos vocês conhecerão os tantos outros nãos que “ouvi”, inclusive agora, o momento que eu estou passando. mas pro post não ficar gigante, vou terminando e deixo aqui uma frase.

tente, você tem 50% de chance de conseguir, mas se não tentar, a sua chance de falhar vai ser sempre 100%.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s