vontade insana de abrir o peito no meio e tapar o buraco com algodão, sabe?

pra começar, eu odeio escrever, na verdade eu não odeio escrever só odeio o fato de não conseguir organizar o que tá na minha cabeça e por num papel odeio tanto esse fato que tenho vergonha de escrever, mesmo que pra mim mesma, sem ninguém mais ler. mas é que hoje, e todos os… sei lá, 14 dias precedentes estão me torturando de uma maneira inimaginável, mesmo. e eu preciso escrever. olha Deus, eu sei que o senhor tá por aí, fazendo o seu trabalho de ser onipresente, oniciente e coisa e tal, mas por favor não se sinta ofendido com o meu desabafo, é que eu preciso fazer isso, nem que seja através do barulho do teclado, sem emitir uma só palavra (talvez um soluço, mas ainda tá muito cedo para prever isso). é um vazio, um vazio enorme no peito, poderia caber uma pessoa inteira aqui dentro, com nome, sobrenome e endereço. e na cabeça o oposto, falta espaço e sobra dúvidas, sobra lembrança, sobra essa mesma pessoa que falta no peito, sobra tanto que escapa pelos sonhos, pelas lagrimas, pelas palavras que saem da minha boca, mesmo contra a minha vontade. como que pode? alguém aí por favor, me explica como que pode. o mundo que antes era cinza, ganhar todas as cores do arco-íris, a vida que antes não fazia sentido… sabe as provas de física do ensino médio? onde a resolução dos problemas de resolviam com fórmula específica que você precisava lembrar? e então tudo parecia se montar sozinho até você achar aquele resultado inesperado? então! eu tinha achado a minha fórmula, quase mágica, para fazer a vida ser de fato bela, pela primeira vez. mas de um dia pro outro, acabou, a chuva veio desbotando as cores do meu mundo tudo de novo, como se fosse aquarela no papel e eu tivesse que pintar tudinho de novo, um mundo inteirinho. só que eu não sei se quero mais.

One thought on “vontade insana de abrir o peito no meio e tapar o buraco com algodão, sabe?

  1. Sei bem como é isso. Acho que esse vazio vem por algum motivo, pra esvaziar todo lixo que a gente tinha guardado e colocar coisas novas, boas, redescobrir o que a gente GOSTA e não o que a gente faz por fazer.
    Tem horas que dá vontade de esvaziar a cabeça, se jogar de um prédio, se enfiar num buraco…. mas resistindo a gente fica mais forte.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s